Desfolhada

Os textos que nunca tinha tido coragem de escrever... © Reservados todos os direitos de autor dos textos e poemas

quinta-feira, julho 07, 2005

Frágil

Eu
que a ti pertenço
frequentemente
ouso abrir as asas
rir das penas e tristezas
rebolar nos sonhos e alegrias
fechar os olhos em ti
infante das minhas descobertas

Eu
com este frio
que me percorre o umbigo
barriga, estômago, nuca
frequentemente
o tempo corre veloz
indiferente ao que preciso
pensar, decidir, fazer
este contra relógio (in)definido
entre convites e confirmações
flores, tecidos e véus

Eu
que me encolho nua
na minha fragilidade

21 Comments:

Anonymous zezinho said...

O recolhermo-nos em nós é a sublimação de todos os sentires..
Beijinhos

7:13 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

....e porque o tempo corre veloz temos de o viver com intensidade, com alegria e muito amor na descoberta de novos caminhos para conquistar a vida. Teu infante

7:40 da tarde  
Blogger Litostive said...

Brilhante, Betty!...

9:52 da manhã  
Blogger wind said...

Belo:) Beijos

2:46 da tarde  
Blogger Catty said...

Lindo todos os teus textos são uma delicia...

Adoro ler-te

Um fds cheio de sorrisos

4:05 da tarde  
Blogger Estrela do mar said...

...Betty...pensei que tinhas ficado pelo "Noivado"...tenho vindo aqui...e não havia novidades...mas já sei...este tempo parado foi para nos brindares com mais um lindo texto teu...

Tem um bfs.

beijos.

12:54 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Betty
Sem saber, sinto que a hora se aproxima, mas verás que és forte nessa fragilidade...
Um beijo
Daniel

12:54 da tarde  
Blogger  said...

Tão bonito... *

9:04 da tarde  
Blogger gato_escaldado said...

abres as asas. e transportas teus leitores na beleza do poema. beijos

2:09 da tarde  
Blogger Carmem L Vilanova said...

Betty querida,
Estive ausente nestas duas semanas, uma delas por falta de tempo, outra por falta de computador, mas já estou de volta... e já há novos posts... espero poder seguir tendo sua companhia por
Muitos beijos cheios de saudades!

12:46 da manhã  
Anonymous Dora said...

Betty, que bem que tu pintas essa muito feminina questão da pele...
Um beijo e uma boa semana :-)

1:24 da manhã  
Blogger ognid said...

as tuas palavras escritas são sempre fantásticas. este teu "frágil" não foge à regra. é um gosto voltar aqui. beijos

10:45 da manhã  
Anonymous b said...

Continuas em forma! Bonito.

12:08 da tarde  
Blogger Danies said...

Queria dar os parabéns pelo blog. Só agora vim dar com ele e fiquei fascinado. Parabéns. Serei leitor assiduo e muito comentador.
Um abraço terno a todos

6:39 da tarde  
Blogger Å®t_Øf_£övë said...

Gostava que passasses lá no "ABOUT LAST NIGHT" para participares na festa de aniversário e para soprares uma velinha.

1:56 da manhã  
Blogger André Ferreira said...

Um poema frágil mas com a força de uma bela sensibilidade, gostei de o ler!

11:04 da manhã  
Anonymous jorgebond'alfangeassunção said...

Olá Betty, como prémio do teu Frágil, recordo-te "Frágil Rosa"

beijokas
~~~~ ~~~~

Doce aroma
...emanando
de tão frágil flôr

Veículo directo
ao coração...
"Via-lactea"
para os sentidos

Textura estonteante
levada p'la aragem
até minhas narinas
...emanando
de tão frágil Rosa



Jorge Assunção
2004 / 10 / 21
in Versejar

10:07 da tarde  
Blogger vulnerable said...

Felicidade... o eterno desejo daqueles que se unem para a vida... apesar da própria fragilidade... unidos no Amor... e na realidade!

Beijo

3:04 da tarde  
Blogger Å®t_Øf_£övë said...

Vim para agradecer por teres participado no aniversário do "ABOUT LAST NIGHT", e por teres ajudado a soprar as velas.No entanto a festa ainda não acabou... porque faz precisamente 365 dias que a Ðä®k_Åñgë£ iniciou por lá a sua participação.
Bjs.

2:10 da manhã  
Blogger Sozinho... said...

A sensação de fragilidade que nos assombra diariamente faz com que tenhamos de realmente de sentir intensamente tudo o que vivemos de forma a podermos desfrutar da nossa pequena e frágil essência...

Li todos os teus poemos e adorei "ler-te". Serei mais um fiel leitor.
Beijo

3:28 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

deixo ficar o registo do meu agrado pelo que escreves!
boas férias

carlos peres feio

http://podiamsermais.weblog.com.pt/
http://moinhoalto.nafoto.net/

1:23 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home