Desfolhada

Os textos que nunca tinha tido coragem de escrever... © Reservados todos os direitos de autor dos textos e poemas

quinta-feira, novembro 04, 2004

Sorriso extremo

Encontrei-te no luar da lua
diferente dos sonhos
de sorriso verde esperançado
alegrias partilhadas
de um romance futurista
permaneceste gargalhada sentida
mega sorriso de cores e sensações
luz solar contagiante
ilusionista (in)visível
em pó de estrelas
obsceno no olhar
indecente no tocar
penetrante no amor
sentidos baralhados
em todas as direcções
permaneço
onde as lágrimas
são o sorriso extremo

18 Comments:

Blogger pipetobacco said...

{ ... a ti, meu prazer, agradeço “o que escreves” nas tua palavras belas e leves pra’eu ler © biquinha ... }

11:30 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

permaneço
onde as lágrimas
são o sorriso extremo

Belissimo Betty!
É muito bom poder ler-te! Beijos Muitos...

11:48 da tarde  
Blogger wind said...

Todo o poema em si é belo:)beijos

11:57 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Sabe tão bem ler um poema tão luminoso e tão sereno como este, Betty! Boa sexta-feira :-)

12:51 da manhã  
Blogger ognid said...

A tua poesia é bela. É com prazer que te leio. Bjs

1:55 da manhã  
Blogger rfarinha said...

Se sorrisos escondem lágrimas, não poderão as lágrimas esconder sorrisos? ;) Bjs

2:32 da manhã  
Blogger frog said...

Sabes uma coisa? Não resisti em ir espreitar a lua... mas ela não sorriu para mim!...

Um beijo

8:24 da manhã  
Blogger Vera Cymbron said...

Permaneço onde quer que escrevas, porque és simplesmente genial!
Parabéns...
PS- Passa lá em casa.

5:53 da tarde  
Blogger lique said...

Mulher cada poema teu é um encanto para mim. Um deleite de sensualidade, de equilíbrio de palavras. Eu vou permanecendo por aqui... tua fã, vizinha. beijinhos

9:11 da tarde  
Blogger R/B Estação said...

Deixo-te um sorriso, um beijinho e votos de um excelente fim de semana.

1:13 da tarde  
Blogger Aran said...

Adorei! beijinhos e um bom fim de semana...

12:05 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

nenhuma obscenidade nessa entrega de "sentidos baralhados em todas as direcções" ... absolutamente sensual!

beijos

DonBadalo

12:34 da manhã  
Blogger MONALISA said...

Vim ler o teu poema e desejar-te um bom domingo.

2:28 da tarde  
Blogger c.b. said...

Sorriso que se exprime intensamente extremo...

* * *

4:08 da tarde  
Blogger O Micróbio said...

Gostei do duplo sentido que consegues dar às lágrimas...

10:18 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Espectro #999 said...

Betty [...] denoto felicidade extraída de fora para inserires cá dentro. Espero bem que sim, que tenha razão e que estejas realmente feliz. Visita-me e partilha a tua opinião acerca desta minha arte. Beijos.

3:52 da tarde  
Blogger pipetobacco said...

{ ... neste sorriso de em flor cheirar[te] neste sempre suave e colorido amar[te] © o5elemento ... }{ beijos* }

11:21 da tarde  
Blogger Alma de Poeta said...

Simplesmente belo. O que ia deixar aqui já foi dito atrás.
Beijo...voltarei. Levo o link do teu blog

10:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home