Desfolhada

Os textos que nunca tinha tido coragem de escrever... © Reservados todos os direitos de autor dos textos e poemas

quinta-feira, fevereiro 10, 2005

Palhaçadas

São bandeiras e apitos
são beijinhos e abraços
são mercados e varinas
olhó cherne que é bonito!
não tem peixe
mas tem espinhas

Dão o dito por não dito
assim é, foi e será
o admirável mundo novo
já dizia Aldous Huxley
que a história se reescreve
o que é nunca existiu
ninguém sabe, nunca viu

Se dá votos, diz que sim
se não dá, fica calado
ridículo? apalhaçado?
grita nem sim nem não
venha ela, a rouquidão
dá-me jeito sim senhor
o silêncio senhor doutor

Palhaços sem alegria
qual das ideias seguir?
enganar, esquecer, mentir
vote em mim
sou o maior
Portugal no seu melhor!

19 Comments:

Anonymous Anónimo said...

uma palhaçada digna da época carnavalesca... pena os palhaços estarem tão mal representados. Infante

12:30 da tarde  
Blogger manuel said...

bravoooooo! adorei a tua "veia" satírica! gosto muito de "cantigas de escárnio e maldizer...", a que por vezes me atrevo...

beijos

DonBadalo

12:34 da tarde  
Blogger jorgebond said...

eheheheh, pois, Portugal dos Pequeninos, rsrsrs, beijokas

12:55 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ai, reconhecemos tanta gente nessa galeria...
Beijinhos!

Dora
www.atrasdaporta.blogs.sapo.pt

5:09 da tarde  
Blogger JPD said...

Olá Betty
Um excelente poema para a campanha.
Aceita a sugestão -- agora que eles andam a desafiar-se uns aos outros por nem todos irem para as feiras... -- vai à Sapo e deixa nos blogs dos partidos este teu poema. Presumo --- estarei errado? --- que não te responderão. Não te importes. Serás lida. Isso é que interessa. Estive muito longe de imaginar que esta campanha descambasse assim para a não discussão do que realmente interessa ao país. Está perfeito o teu poema, Betty. Bjs

11:07 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Andamos por aí, conhecemo-nos e não nos conhecemos,viajamos para algures correndo o risco de nos perdermos de vista...sabe bem quando nos voltamos a encontrar,neste caso pela amabilidade de uma visita,ou pela elegância comprometida de uma poesia...gostei de saber de ti...
Um abraço do Morfeu

12:01 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

bom dia, folhas de mim.
"sou mais eu quando sou tu",alguém o disse.


obrigada.

bom fim de semana.

maat

http://ardeoazul3.blogspot.com

1:34 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Olá! Já há muito que não vinha aqui!
O poema está muito bom e toca nos pontos todos.

http://boxoffice.blogs.sapo.pt

2:14 da tarde  
Blogger lique said...

Sabes que estava a ler o teu poema e estava a ouvir mentalmente a música da Tourada do Fernando Tordo? Quase que encaixa. Adorei a tua veia satírica! beijinhos

2:44 da tarde  
Anonymous meialua said...

;o)
Um bom fim de semana!
Beijos*

3:34 da tarde  
Blogger pipetobacco said...

{ ...

saudade-(te)

lembrança triste e suave
desejo de (te) ver ou possuir
doce e meigo (te) tomar
terno pesar não (te) ouvir
desejo de (te) ler ou tornar
sentido brando e secular
necessidade de (te) sentir
de (te) ver regressar
em leito (te) irei esperar
(te) a ti; de ti
© biquinha

beijos*

... }

11:12 da tarde  
Blogger bertus said...

...ritmado quanto baste, podia perfeitamente representar a escola de samba "Os Políticos de São Bento" no desfile do Carnaval à portuguesa. Gostei!

Beijinhos e intés!!

11:33 da tarde  
Blogger Estrela do mar said...

...que boas e tão adequadas metáforas...para este momento em que estamos a passar...gostei ...

Tem uma boa semana Betty.
Um beijinho*.

9:04 da tarde  
Blogger MWoman said...

Hahahaha...Uma delícia, Betty! Um beijo.

10:50 da tarde  
Blogger peciscas said...

O habitual circo "on tour"

5:03 da tarde  
Blogger O Micróbio said...

O maior problema é que todos nós (sem excepção) conhecemos os palhaços e os seus números, mas continuamos a rir às gargalhadas e a aplaudir de pé...

5:19 da tarde  
Anonymous sandra said...

Gostei imenso do deste poema de caracter satirico!!Boa!!Beijinhos e me visite!

12:33 da manhã  
Blogger Fatinha said...

***** Bela Veia satírica, amiga...

6:14 da tarde  
Blogger ognid said...

Esta tua faceta satírica é deveras interessante. E isto já é um carnaval muito longo :( beijos.

12:29 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home